Coração: ele administra o amor e precisa de cuidados

O que significa amar? Muitos pensadores trabalharam esse tema, tentando desesperadamente entender porque o ser humano é tão dependente das reações produzidas por esse sentimento. O escritor colombiano, Gabriel García Márquez tem uma frase que remonta com perfeição as dificuldades encontradas na trajetória da paixão. “Quem sabe Deus queira que conheças muita gente enganada antes que conheças a pessoa adequada para que, quando no fim a conheças, saibas estar agradecido”.   Não é fácil amar, quem nunca sentiu aquela dor de amor, corroendo o peito e apertando o coração. Aliás, atribuímos a esse órgão muscular o domínio do amor. As metáforas associando o principal elemento bombeador de sangue com o ato de amar são quase infinitas. No entanto, nem sempre cuidamos com delicadeza dele. Insistimos em só fazê-lo sofrer as dores da paixão, sem fortalece-lo para esse impacto que faz parte da vida.

As doenças cardiovasculares são responsáveis por mais de 30% das mortes que ocorrem no Brasil. Entre elas estão as AVC`s, hipertensão, ataque cardíaco, aterosclerose e outras. A maioria das DCV`s resulta de um estilo de vida inapropriado, desvalorizando os cuidados com o corpo. Entre os principais fatores que ocasionam estas doenças estão a má alimentação – assunto recorrente nos posts do Avôvó -, tabagismo, álcool, sedentarismo, obesidade, além do stress do dia-a-dia.

E como para qualquer tipo de enfermidade, a prevenção é a melhor forma de tratamento para as doenças cardíacas. O termo prevenção faz referência à ação e ao efeito de prevenir. O conceito, por conseguinte, permite designar a preparação de algo com antecedência para um determinado fim, o facto de prever danos ou de antecipar eventuais barreiras, conflitos ou problemas, entre outros significados. Para diminuir o risco de problemas com o coração, uma rotina saudável, com os cuidados abaixo, pode ser muito eficaz:

– O tabagismo é uma das principais causas das doenças cardíacas. Por isso, parar de fumar é um grande passo para preveni-las;

– Controlar a pressão arterial, nível de açúcar e gordura do sangue também ajuda muito. Para manter esse controle, faça consultas periódicas;

– Fazer o cardápio diário mais saudável é muito importante. As refeições devem conter frutas, legumes, verduras, cereais, entre outros tipos de alimentos que fornecem os nutrientes essenciais para o organismo;

– Praticar exercícios regularmente. Entretanto, é preciso ter certos cuidados com as atividades físicas. Elas devem ser orientadas por um profissional e cada pessoa deve seguir o ritmo que seu organismo permite;

– Fazer exames periodicamente através de seu convênio médico, principalmente, a partir dos 40 anos, que é quando essas doenças começam a se manifestar;

– Caso tenha histórico de pessoas com problemas na família, comece a prevenção o quanto antes.

Esses métodos preventivos também fazem parte do tratamento de pessoas que já contraíram algum tipo de doença cardíaca. Além disso, o tratamento é realizado com medicação para diminuir o esforço e aumentar a força do músculo do coração e baixar a pressão arterial. O médico especialista pode ainda prescrever remédios como diuréticos, beta-bloqueantes, inibidores ECA (grupo de remédios usados principalmente para tratar hipertensão e insuficiência cardíaca congestiva) e digitálicos.

É importante lembrar que a medicação deve ser prescrita por um médico especialista, que deverá, também, fazer o acompanhamento dos efeitos que os remédios estão causando no organismo. E, como as doenças cardíacas não têm cura, são doenças crônicas, o paciente deve se conscientizar do vínculo constante que ele terá com os médicos, os remédios e, principalmente, com uma rotina saudável. Tudo isso, para evitar as consequências que essas enfermidades podem trazer.

Fonte: Avovó

LOCALIZAÇÃO
  • Avenida Frei Ângelo Maria, 117
    CENTRO - Taubaté-SP / CEP 12080-070
  • (12) 3432-2023
  • saude@castelliseguros.com.br
  • SKYPE: castelli_@outlook.com
NEWSLETTER
  • Facebook Castelli Instagram Castelli
GRUPO CASTELLI © Todos os direitos reservados
Pentaxial